domingo, 15 de julho de 2012

O vício

Farsa by Nila Branco on Grooveshark
Cadê o brilho nos olhos, o frio na barriga, as mãos tremendo, aquela cara de otária impagável, as asneiras pensadas, as ações por impulso, os torpedos bêbada?
E aquele sorriso idiota na cara, o tropeço sem nem perceber, a alma leve, o gaguejar, a suadeira?
As previsões de futuro, a saudade absurda, aquela sensação de querer estar ao lado já e sentir o cheiro, a pele e essas coisas que agora no marasmo sentimental parecem ridículas, mas atraentes?
Cadê aqueles dias escutando aquelas músicas de corno, melosas e lembrando e relembrando cada momento?
Onde foram parar as táticas de conquista, a sondagem da vida alheia, os auto-xingamentos, a sensação de ser a estúpida mais feliz da cidade?
O caminhar pelas ruas olhando flores, céu, lua, nuvem...até uma terça a tarde parece linda, um cachorro andando na rua, qualquer coisa tem graça e é bem mais bonito... tudo é lindo, tudo atrai e a vida? Ah, que sede de vida...
Os status no face são inspirados, rola até umas 30 curtidas, da vontade de por foto toda hora.
As horas no trabalho passam rápido, o celular tem que ser mantido ao lado o tempo todo, a ansiedade é boa e é facilmente sanada com uma simples presença.
Cadê tudo isso?
Agora não se planeja mais o que vai dizer, como vai agir, não se espera mais a ligação, o torpedo, nem olhar as mensagens gravadas (que foram apagadas quando se decidiu esquecer- juntamente com o número e os emails), não tem mais sorriso bobo, a vida tá séria, seu rosto é só mais um na multidão. Tanto faz, é isso o que tem na mente.
Agora vc já não passa mais umas 500 vezes pela rua dele, nem sequer olha pro lado do ap. Não tenta reconstituir os encontros e reencontros voltando aos mesmos lugares em que aconteceram. Sem mágoas ou ressentimentos, até pq nem se tem mais contato um com o outro.
Agora da pra ficar off por um mês ou mais. Tanto faz mesmo.
Não tem mais saudade pra consumir, vc já não está mais burra, não vai precisar levar desaforo pra casa, nem aguentar aquela fulana dando um paralelo na história com ele (nem ela te desperta mais raiva, tanto faz...).
É... era tudo o que se quis. Era o que vc dizia quando ficava irritada com os sumiços e aquelas "manias masculinas" dele, era pra acabar, vc se valoriza, não admitiria a situação por muito tempo e agora é isso. Acabou.
É, acabou!
Agora a vida ta chata, só tem trabalho e prédios cinzas.
E ai vida? Da pra mandar mais ai, que essa droga é viciante?

* Queridos, nosso blog agora tem página no Facebook! Dá um curtir por lá ;D 

2 comentários:

  1. Calma que chega moça... calma...

    :)

    ResponderExcluir
  2. Eita, Ludi!!! Estou exatamente na mesma fase do agora "só tem trabalho e..." navios cinzas. Beijos.

    ResponderExcluir

Comenta aew! :)

leia também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...